(Ouça a íntegra do programa aqui)

 

 

Uma década…este foi o tempo que se passou desde o último trabalho lançado por Fernanda Abreu. Neste período a cantora se dedicou aos shows, passou por momentos delicados na vida pessoal, como a perda da mãe e o término do seu casamento, mas também encontrou na música, na poesia e no amor o antídoto para a tristeza. E foi em meio a tantas vivências que Fernanda Abreu soltou sua criatividade na elaboração de Amor Geral, afinal a arte tem este poder de acalmar o espírito e nos mostrar novos caminhos e possibilidades.

 

Amor Geral
Amor Geral

 

Em Amor Geral, Fernanda retomou a rédeas de sua batida perfeita e se cercou de um time de novos e antigos parceiros para construir um álbum que confirma a importância da moça para a música brasileira. Vale lembrar que Fernanda Abreu, lá nos idos dos anos 90, foi pioneira na utilização de samplers como instrumento, além de ter aberto as portas para o mix funk-samba-carioca para o Brasil inteiro. Com um olhar sempre atento para as novidades da música e da linguagem a cantora assina, sozinha ou acompanhada, nove das dez faixas que compõe o disco e se antes ela nos trazia um discurso mais crítico e social em um formato quase de crônica, agora Fernanda abre o coração e trata de temas mais pessoais, delicados e intimistas.

 

Fernanda e a palavra, uma relação estreita e delicada
Fernanda e a palavra, uma relação estreita e delicada

 

O amor é o assunto que permeia o novo trabalho de Fernanda Abreu. Está no título, na faixa dedicada ao namorado e parceiro musical Tuto Ferraz, na canção feita para a mãe,  na falta que ele pode fazer e nas várias maneiras de amar. Amor Geral também traz gratas surpresas sonoras como a participação de Afrika Bambaataa, a presença da poesia urbana e cinematográfica de Fausto Fawcett e a produção certeira de Liminha para algumas faixas. Músicas como Double Love Amor Em Dose Dupla, Tambor, Antídoto e Valsa do Desejo mostram como Fernanda Abreu consegue transitar por diversas levadas e ritmos sem perder o equilíbrio e a coerência musical.

 

Afrika Bambaataa, o cara!
Afrika Bambaataa, o cara!

 

Por mais que os últimos 10 anos da música brasileira tenham passado sem o swing e contemporaneidade de Fernanda Abreu, valeu à pena esperar. Amor Geral nos traz de volta a força criativa da cantora, que continua com sua parabólica atenta as sutilezas da vida, da música e da palavra. Se você quer conhecer de perto, digamos assim, o novo disco da moça é só acessar www.fernandaabreu.com.br.

 

Fernanda Abreu
Fernanda Abreu

 

Aqui no Link Sonoro você confere a faixa Outro Sim.

Até a próxima! 😀

 

Anúncios