Pequenas histórias costuradas por melodias que jorram de diversas fontes e uma pegada mais pop do que a de trabalhos anteriores. Assim é O Deus Que Devasta Mas Também Cura, 5º álbum do músico e produtor baiano Lucas Santtana ( por favor, não confunda com o Luan…) que à começar pelo nome já desperta a curiosidade pela nova empreitada do moço.

 

O Deus Que Devasta Mas Também Cura

 

Lucas deixou de lado as experimentações mais ousadas sem perder o vies atual que a mistura do eletrônico com o orgânico proporcionam. As presenças de Letieres Leite e a Orquestra  Rumpillez, Curumin, Céu, Gui Amabis, Kassin, Rica Amabis, Guizado e Josué (filho do artista) só aumentam as texturas sonoras do álbum, que são bem conduzidas pela produção de Chico Neves e do próprio Lucas. Guitarras no melhor estilo Ska, teclados lisérgicos, sambinha com roupagem moderna e orquestrações cheias de metais e cordas permeam as composições de Santtana que abre seu leque criativo para temas rotineiros como uma ida a praia com o filho e os amigos, o amor e suas transformações e por aí vai.

 

Lucas Santtana : antenado e comteporâneo

 

Músico antenado com a nova cara do mercado musical e as variantes de uma distribuição, Lucas disponibilizou O Deus Que Devasta Mas Também Cura para download e em breve vamos poder baixar seus outros trabalhos em seu site www.lucassanttana.com.br  onde você também encontra todas as redes sociais do moço. O Deus Que Devasta Mas Também Cura é um CD sem rótulos e cheio de vigor e criatividade, vale à pena!

Aqui você cofere a faixa Músico que traz a participação da cantora Céu.

 

 

Até a próxima!