Imagine você numa daquelas longas estradas que podem te levar a diversos lugares ou então assistindo a um filme no melhor estilo roadmovie. Essa é a mesma sensação que nos passa o novo álbum da cantora Céu, Caravana Sereia Bloom. O 3º álbum da moça foge um pouco do que já foi apresentado aos fãs nos seus dois trabalhos anteriores onde o dub, o samba e o afrobeat eram o norte musical.

 

Caravana Sereia Bloom

 

Com produção do maridão Gui Amabis, Céu direcionou sua antena musical para o brega, o rock retrô e experimentações sonoras cheias de efeitos. Cada canção traz uma história e o repertório segue um roteiro digno de Bye Bye Brasil, filme que, inclusive, influenciou a cantora na escolha do nome do CD. Quem não se lembra da Caravana Rolidei deste clássico de Cacá Diegues?

 

A inesquecível Caravana Rolidei !!

 

Céu se cercou de parceiros de longa data para dividir estúdio e composições e estão presentes o pai Edgar Poças na faixa Palhaço ( música de Nelson Cavaquinho ), Jorge Du Peixe que compôs Chegar em Mim, Lucas Santtana que entregou à cantora a deliciosa Streets Bloom além de Fernando Catatau, Lúcio Maia, Curumin e a amiga Thalma de Freitas.

 

Céu, sem rótulos

 

Caravana Sereia Bloom mostra toda a inquietação musical de Céu que continua seguindo sua jornada sem pressa ou rótulos. Se você se sentir em um filme de Fellini ou em uma estrada deste Brasil cheio de personagens inusitados não se assuste, a ideia é essa mesma. Então, uma boa viagem na Caravana Sereia Bloom de Céu.

Aqui você confere o clipe da faixa Retrovisor

 

 

Até a próxima!